Grupo de Orações online

Um chamado à misericórdia (Devocional Diária – 24-Out)

“Sejam misericordiosos, assim como o Pai de vocês é misericordioso.” (Lucas 6.38)

Quem são os misericordiosos? A palavra em sua derivação do latim vem da junção de duas:miseratio(compaixão) + cardis (coração). Os misericordiosos são aqueles que têm um coração compassivo, que inclina-se na direção de sentir a dor do outro e agir em favor do outro. Fomos criados para sermos misericordiosos porque o nosso Criador é misericordioso. A falta dela nos desumaniza e nos faz mal. O Evangelho de Cristo nos chama de volta para Deus e um dos sentidos dessa volta está agirmos com mais misericórdia, em imitação a Deus, que é misericordioso. Esse é o caminho para que sejamos verdadeiramente humanos, como Deus nos pensou.

O que fazem os misericordiosos? Eles perdoam, eles acreditam no outro e insistem em acreditar, mesmo diante de decepções causadas por aproveitadores, manipuladores, enganadores. Infelizmente há pessoas que promovem a falta de misericórdia. Mas os misericordiosos insistem em continuar servindo pois sabem que há os verdadeiramente necessitados. E assim, recusam-se a abandonar a misericórdia. Eles não se deixam vencer pelo mal, mas vencem o mal com o bem (Rm 12.21). E assim seguem salvando vidas, renovando esperanças, alimentando famintos, protegendo desabrigados, consolando abatidos, visitando encarcerados, animando enfermos… enchendo o árido reino dos homens com a vida do Reino de Deus.

O que os misericordiosos receberão por sua misericórdia? Jesus disse que os misericordiosos encontrarão misericórdia. Serão também tratados com misericórdia, assim como trataram com misericórdia. Isto é algo maravilhoso pois todos precisamos de misericórdia. Tiago nos alerta que aqueles que não agem com misericórdia serão julgados sem misericórdia. E acrescenta: “A misericórdia triunfa sobre o juízo” (Tg 2.13). O que ele quis dizer com isso? Talvez que “os atos de misericórdia são mais efetivos para a vida do que os atos de julgamento”. E isso combina com Jesus: “Eu também não condeno você; vá e não peque mais” (Jo 8.11). Pratique mais atos de misericórdia. Seja misericordioso. Imite mais a Deus. Você será mais humano e será tratado com misericórdia. E, se faltar a dos homens, não faltará a de Deus.