Grupo de Orações online

A vontade de Deus (Devocional Diária – 10-Set)

“Pois desci do céu, não para fazer a minha vontade, mas para fazer a vontade daquele que me enviou.” (João 6.38)

Algumas vezes vou ao texto de Filipenses 2.5-11 pois sinto uma grande necessidade de combater o orgulho e a dureza que crescem dentro de mim! Lá estão registradas afirmações muito tocantes sobre a vinda de Jesus a este mundo. Muitos creem que tratam-se de estrofes de um hino que os cristãos cantavam, em exaltação a Cristo. Uma exaltação que declara sua humilhação. Diz o texto que Ele abriu mão, diminuiu-se, sendo Senhor tornou-se servo e foi completamente obediente. Obediente até a morte e morte por meio da crucificação. Somente o mais exaltado poderia ser tão humilde! Por isso o mais humilde revela-se o mais exaltado. E Paulo começa tudo dizendo: tenham a mesma atitude de Jesus!

Ele veio a este mundo, não para fazer a própria vontade, mas a vontade do Pai. São palavras dele! Aqui havia e ainda há muitas vontades sendo feitas que são estranhas à vontade de Deus. Tudo começou no Éden e não parou mais. A vinda de Jesus foi um grito contra isso. Contra a história marcada pela vontade humana que descumpre a vontade divina. Contra os rumos que a história tomou porque vivemos obcecados por nosso própria vontade, sem julgá-la à luz da vontade de Deus. Na vontade de Deus há espaço para nossa vontade e quando é assim, nossa vontade é vontade de Deus. Mas em nossa vontade também há desvio da vontade de Deus. E aí nossa vontade é transgressão contra Deus. Pecado é isso.

O que é vontade de Deus e o que não é? Todos nós recebemos informações boas e ruins a respeito disso e não há nenhuma religião no mundo que seja capaz de orientar seus seguidores com exatidão. Pior: toda religião pode ensinar desvios em nome da vontade de Deus. Por isso ser cristão é seguir, não uma religião, mas uma pessoa: Jesus Cristo. Ele é a vontade de Deus realizada na história humana. Por meio dele a vontade de Deus torna-se acessível a nós. Ele nos dá o Espírito Santo que nos guia em toda verdade. Ele nos orienta para a comunhão com aqueles que o seguem e podemos ver a vontade de Deus sendo feita em gente como nós. E a vontade de Deus realizada em nossa vida nos torna a melhor versão de nós mesmos que podemos ser neste mundo. E com isso, Deus é glorificado. Cumpriu-se a Sua vontade! “Faça-se hoje, Senhor, a Tua vontade!”